Verificação da forma como funcionam os freios do tipo ABS

Descrição do Exercício:

Os freios ABS são uma importante medida de segurança no trânsito, os quais funcionam para impedir o travamento das rodas do carro quando o sistema de freios é acionado, liberando as rodas quando estão no limiar do deslizamento. Quando as rodas travam, a força de frenagem é governada pelo atrito cinético.
As representações esquemáticas da força de atrito entre os pneus e a pista, em função da pressão aplicada no pedal de freio, para carros sem ABS e com ABS, respectivamente, são:
As alternativas de resposta estão nas Figuras de Resposta.

Figura de Resposta A
Figura de Resposta B
Figura de Resposta C
Figura de Resposta D
Figura de Resposta E
1

Conforme o enunciado, os freios ABS liberam as rodas (diminuem ou soltam os freios) para evitar que as rodas travem e somente a força de atrito cinético atue sobre as rodas.

2

Ou seja, nos carros sem freios ABS, a força de atrito cresce até o travamento das rodas, quando chega no limite, a força de atrito diminui para o valor da força de atrito cinético e fica constante.

3

Já nos carros com freios ABS, a força de atrito cresce até antes do travamento das rodas, quando chega no limite, a força de atrito diminui, chega novamente no limite e diminui, conforme a necessidade.

4

Vamos analisar cada uma das alternativas.

5

Alternativa A: Verdadeira. A Figura de Resposta A da esquerda representa os carros sem freios ABS e a Figura de Resposta A da direita representa os carros com freios ABS, conforme dito anteriormente.

6

Alternativa B: Falsa. Nos carros sem e com freios ABS, a força de atrito crescem até um valor limite da mesma forma e não há diferença entre o valor dos dois. Na Figura de Resposta B da esquerda, a força de atrito nos carros sem freios ABS cresce menos do que a dos carros com freios ABS, na Figura de Resposta B da direita.

7

Alternativa C: Falsa. Nos carros com freios ABS, a força de atrito não é constante. A Figura de Resposta C da direita não representa a força de atrito dos carros com freios ABS. Ela chega até um valor limite, diminui, chega novamente ao valor limite, conforme a necessidade.

8

Alternativa D: Falsa. Nos carros sem freios ABS, a força de atrito chega até um valor limite e diminui para o valor da força de atrito cinético e fica constante. A Figura de Resposta D da esquerda não representa a força de atrito dos carros sem freios ABS.

9

Alternativa E: Falsa. Análogo à alternatica C. Nos carros com freios ABS, a força de atrito não é constante. A Figura de Resposta E da direita não representa a força de atrito dos carros com freios ABS. Ela chega até um valor limite, diminui, chega novamente ao valor limite, conforme a necessidade.

10

A Resposta é a Letra A.

enviado por Carlos Humberto de Oliveira em

quanto isto lhe ajudou ?